Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Estado de (des)Graça

todas sabemos que a gravidez é um estado de graça.

04.Nov.19

Viroses modernas

O nosso maravilhoso filho é um excelente hospedeiro de maleitas. Tudo o que são vírus fofinhos ele trás para casa, alapados nele, aliás, é chegar a Setembro e é vê-lo de nariz entupido até Junho, depois milagrosamente nos meses de férias fica bom. Fazemos rinoduche todos os dias como prevenção mas não chega. As diarreias também batem à porta, bem como os vómitos, e coisas que no meu tempo a minha mãe diz que não havia como por exemplo a doença mãos-pés-boca. O mais engraçado destes vírus é que são maus para as criancinhas, mas aterrorizantes para os pais, cada vez que um de nós apanha alguma coisa e como se tivesse sofrido um mini coma, entra em modo vegetal, deambulamos pela casa, chocamos um com o outro no corredor enquanto limpamos vómitos do chão. Queremos dormir durante uma semana mas não podemos, porque somos despertados com tosses de cão, vontades de fazer cocó nocturnas ou com vómitos de bílis perigosamente perto da nossa cama. 

A última foi uma gastroenterite, que começou dia 26 com direito a vomitado no meu quarto às 06h da manhã "mãe estou mal disposto" e conforme diz isto jacto de entranhas. Vomitou nesse sábado 4 vezes, domingo não vomitou mais, segunda começou a diarreia, sempre com muita falta de apetite à mistura e algum mau feitio, quarta-feira disse ao meu marido, "safámo-nos", quinta-feira pumba comecei eu, sábado começou o bebé e hoje foi a vez do meu marido. Alento: este vírus só dura (longos) 6 dias.