Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Estado de (des)Graça

todas sabemos que a gravidez é um estado de graça.

24.Jul.18

Curtas - Pablito

Gracinha
Sabes que o teu filho mais velho está a sofrer com esta história de já não ser filho único quando o ouves a dizer ao mais pequeno baixinho - sabes Matias, quando a mana nascer tu também vais ser um mano mais velho, não vou ser só eu, olha que vais!   *não estou grávida nem vou ter nenhuma menina, já percebi que se for ao terceiro vem-me mais um macho, com sorte, gémeos machos.
18.Jul.18

Este menino vale ouro

Gracinha
Há dias a minha empregada dizia que o bebé lá de casa valia ouro. Isto claro porque efectivamente ele custou-me mais dinheiro que uma noite no hotel com o meu marido, um bocadinho mais vá. E verdade seja dita, e já tendo passado quase 7 meses desde que nasceu continuo a olhar para ele como uma espécie de milagre, sempre com aquela sensação, "ainda não acredito que estás aqui".Demorei-o a tirar do meu quarto (na verdade só saiu de lá há 4 dias) mais do que com o primeiro porque (...)
27.Jun.18

Dia de Revisão

Gracinha
Hoje foi dia de revisão pós-parto. O Matias fez 6 meses, o tempo voa. Por aqui está tudo impecável e não escondi do médico a vontade imensa de ter já o terceiro. Olhou para mim incrédulo e receitou-me uma pílula. Ainda é cedo, e ir a uma terceira cesariana é puxado para o nosso útero. Mas parece que a recomendação é um ano e meio entre partos. Saí de lá a fazer contas pelos dedos da mão.Chamem-me doida, eu chamo-me. Mas este bebé é tão querido que só penso noutro (...)
20.Jun.18

Querida inocência

Gracinha
- Mãe porque é que a casa da M era tão grande, com carros lá dentro e piscina?- Oh filho porque se calhar os pais ou avós têm muito dinheiro. - O que é que isso quer dizer, ter muito dinheiro? - Quer dizer que são ricos, gordinho. - Oh mãe podes comprar-me uns ricos então? Também quero isso.    
05.Jun.18

A minha (não) obesidade

Gracinha
23 semanas se passaram desde que fui mãe. Quem me acompanha conhece a minha história e a minha batalha para conseguir este filho. Tendo recorrido à procriação medicamente assistida foi-me dada nota que não engravidaria sozinha. O meu sistema reprodutor parou em 2015 e desde então nunca mais tinha tido um ciclo, uma menstruação, uma ovulação. Surpresa, surpresa, na semana passada tive o meu primeiro período espontâneo desde há muito tempo.   O corpo já me tinha dado sinais (...)
23.Mai.18

21 semanas

Gracinha
Continuas um bem disposto acima de tudo. Pouco choras mas refilas. És guloso e saboreias o leite como se fosse uma iguaria. Os bolsados acalmaram e agora já estás gordinho. Quase com os 5 meses a bater à porta deves estar a começar a sopa. Gostas do meu colo e procuras-me com o olhar quando estás no colo dos outros. O pai é o palhaço de serviço, e o mano o mini ser estranho para quem olhas com um ponto de interrogação. És o segundo de uma mãe mais serena, que não conta as (...)
22.Mai.18

20 dias depois

Gracinha
Faz 20 dias que regressei ao trabalho, nem sempre consigo sair cedo e dentro do horário acordado. Chego a casa cansada, os dias parecem intermináveis. O Matias continua a acordar religiosamente durante a noite para comer. O Henrique levanta-se com as galinhas, estou a adormecer um às 06h e já tenho o outro à porta pronto para entrar em acção. Ando assim neste modo correria, sem tempo para mim, ou para outras coisas que não sejam os filhos e trabalho. Penso muitas vezes que raio de (...)
02.Mai.18

De volta ao trabalho

Gracinha
Depois de 4 meses inteiramente dedicados aos meus filhos, hoje regressei ao trabalho. Já me apetecia ter uma vida para além das 4 paredes de casa mas confesso que é um misto de sensações. O Matias está bem entregue à senhora que também tomou conta do Henrique e que está connosco há 3 anos. O mais difícil vai ser gerir o cansaço, o Matias ainda não dorme a noite toda, bebe dois biberãos, e a saudade.    Abracei também um novo desafio e mudei de área dentro da empresa. (...)