Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Estado de (des)Graça

todas sabemos que a gravidez é um estado de graça.

29.Out.15

tentativas

Pois eu sei que já devia ter vindo dar notícias, mas não me apetece falar sobre o assunto. Fiz o tratamento tal como disse por aí algures e a coisa lá se deu  uhuhuhuhuuhhu, e voltei a ser uma pessoa com menstruação. Inconvenientes: os 10 dias dias de progesterona foram um tormento, parecia que estava a entrar na menopausa e ninguém me conseguiu aturar; o fofinho do médico esqueceu-se de me dizer no início do tratamento que tinho de fazer outros 10 dias a partir da próxima quarta. Ora, depois de 10 dias em que mais parecia um cão raivoso, um peixe balão devido à retenção de líquidos e uma psicopata prestes a ser condenada, decidi, contrariando as disposições do médico, que não vou fazer mais 10 dias de porcaria nenhuma. Vou deixar que o meu corpo responda por si só, vou apostar em suplementos naturais, sopas e descanso. Acima de tudo, eu sei, que o meu principal objectivo é aprender a relaxar. Com stress, o campo reprodutor não funciona de todo. 

Esse é o objectivo para os próximos dias, relaxar! Sei que hoje estou Zen mas amanhã posso estar de novo em stress profundo, mas minhas senhoras, um dia de cada vez.

Para já é continuar com o ovusitol, e começar a tomar um chá "especial" diariamente. À noite desligar-me, dentro daquilo que o Pablito e estas malditas gripes permitirem claro, ler, ver Greys Anatomy (e chorar), ver MasterChef S7 (e babar-me), ver The Affair (e entediar-me) enrolar-me em mantas enquanto saboreio um copo de Papa Figos. Estão comigo? 

 

5 comentários

Comentar post