Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Estado de (des)Graça

todas sabemos que a gravidez é um estado de graça.

14.Out.15

Passinhos

Gracinha
Ontem o meu bebé deu 4 passos, sozinho para ir ter com o Pai. Ficámos encantados. Ao contrário do mundo em geral não tenho muita pressa, digo do mundo em geral porque toda a gente me pergunta "mas ele ainda não anda?" (não é se já anda, é pergunta retórica com um ligeiro abanar de cabeça) ou então "ah está quase, mais uma semana e está a andar" (malandrecos destes bruxos e as suas adivinhações). Esta malta vive com pressa para tudo, como se o facto de o meu filho andar ou (...)
09.Jun.14

um sintoma até agora desconhecido

Gracinha
A Z I A - veio em força e não é nada agradável. Ainda bem que esta minha nova amiga não poderá ficar por muito tempo. Azia, à mistura com os enjoos (aqueles que toda a gente diz que só duram os primeiros três meses) não está a ser nada fácil. 
03.Jun.14

os prós e contras do Estado (de graça)

Gracinha
Porque este Estado tem tanto de coisas más como de boas, venham mais 3 ou 4 gravidezes.   Coisinhas Boas: - os pêlos dos braços caíram; - tenho prioridade nas finanças, emel, e outros sítios com pessoas simpáticas nas caixas, e desde que na fila nao esteja uma velha rezingona (são as piores); - o cabelo cresce mais rápido; - a pele da cara está óptima sem vestígios de borbulhagem; - toda a gente me mima (excepto no trabalho onde há alguns anormais sem noção); - não gastar (...)
28.Mai.14

Super Mulheres

Gracinha
Esta mania de em tudo o que é sitio fazer-se vénias às "mães empreendedoras" mexe comigo. De repente ser mãe é uma obra magnifica, um esforço supremo, e é ainda melhor se para além disso conseguirmos ter um trabalho, mesmo que seja a fazer empadas para fora ou a escrever a tempo inteiro num blog. Não entendo, as nossas mãe, avós, bisavós, tetravós foram mães, na maioria das vezes muito mais vezes do que nós, e não receberam nenhuma medalha, não receberam nenhum destaque (...)
28.Mai.14

sabedoria popular

Gracinha
Segundo a sabedoria popular a minha barriga ainda está muito cá em cima e portanto o bebe Pablo não vai nascer tão cedo (óptimo, também não o queria antes das 38 semanas). Esta mesma sabedoria consegue olhar por cima da roupa e analisar a posição da criatura... fazendo aquilo que muitos dos médicos não são capazes de fazer, clap clap clap. Aposto que daqui a duas semanas a mesma sabedoria vai dizer "já não aguentas nem mais um dia, essa barriga está muito descaída" claP (...)
20.Fev.14

Assuntos TABU

Gracinha
Um dos assuntos tabu na minha cabeça é o PARTO. Não quero pensar muito no assunto, não quero ter acesso a grandes informações. Prefiro permanecer na ignorância. Decidi-me muito "decididamente" que queria um parto natural sem hora marcada e apenas com ajuda da epidural, mas confesso que com o passar do tempo começo a ficar nervosa. Imagino uma série de coisas a acontecerem na marquesa na hora H: eu a panicar completamente, a ter paragens respiratórias devido à dor, a ficar (...)