Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Estado de (des)Graça

todas sabemos que a gravidez é um estado de graça.

05.Mar.14

quando a possibilidade nos bate à porta...

Confesso que o primeiro embate quando ouvimos falar da possibilidade de o nosso bebe ser portador de um cromossoma especial não foi fácil. E não foi uma explicação séria, ponderada ou que sequer fizesse sentido. Era um indicador que estava mal e caso houvesse outro teria de fazer uma amniocentese. Fiquei em pânico, histérica porque o desconhecido nos mete medo. Foram 4 dias angustiantes na expectativa de repetir a ecografia em busca de um outro indicador que indiciasse algum problema justificativo de um exame tão evasivo. 

 

A ecografia correu como queríamos mas o nosso médico ainda nos quer ver, e dormindo sobre o assunto, e estudando todas as possibilidades e ainda que a medo, sei que, a não ser que ele me diga que algo pode estar a pôr em causa a vida do bebé (que eu sei que não, pelo menos neste momento uma vez que o médico que me fez o exame foi explícito ao descansar-me), não farei nenhuma amniocentese. Todos nós podemos desenvolver problemas, agora, no futuro e infelizmente não podemos controlar tudo. E se o medo dele é uma trissomia 21, com esse medo posso eu bem. Não conheço o Pablo mas já o adoro como ele é, e agora ainda mais, desde que descobriu o meu umbigo e não o larga. Irei lá para o ouvir mas não terei novidades para dar porque o bebé há-de estar bem e se não estiver, na devida altura saberemos. 

 

 

... o melhor é esperar para vê-la.

2 comentários

Comentar post